Weby shortcut

Estudo comparativo entre valores de temperatura do ar registrados em estações meteorológicas automáticas do Instituto Nacional de Meteorologia e valores registrados em imagens termais obtidas por sensoriamento remoto.

Por Lucas Carvalho Borges De lima Atualizado em 06/06/17 16:03.

A pesquisa apresentada tem como objetivo central o mapeamento da temperatura superficial terrestre (TST) na bacia do Rio Paranaíba a partir de imagens do sensor TIRS do satélite Landsat8 para o ano hidrológico 2016/2017 e a comparação dos dados obtidos por satélite aos dados de temperatura do ar coletados nas estações automáticas de superfície do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), estabelecendo níveis de correlação entre ambos. Paralelamente, valores de temperatura e fluxo de calor nos solos serão aferidos em campo em diferentes categorias de uso da terra e cobertura vegetal, nos mesmos dias de passagem do satélite sobre a área, para auxiliar na validação do modelo

Related Files Size Archive Fingerprint
Artigo-ESTIMATIVA DO ALBEDO DE SUPERFÍCIE UTILIZANDO IMAGENS MODIS/AQUA E O ALGORITMO SEBAL NA BACIA DO RIO PARANAÍBA - BRASIL 887 Kb 4ab7d39c146beb1a7ede85c8a7309e04
Listar Todas Voltar